"Pra te esquecer eu rodei três galáxias. Visitei uns vinte planetas e fiz até um reino. Eu bebi um pouco, admito. Fiz tudo que você sempre odiou. Eu deixei a barba crescer, evitei de falar sobre o assunto. O engraçado é que quanto mais eu tentava esconder, mas aparecia. Aí larguei. Arrumei a casa, dei uma geral até no quarto. Larguei a bebida, fiz a barba e comecei a passar as minhas camisas. Eu era desastrado com você, aí virei outro cara. O cara que você aprovaria, mas não gostaria. O cara que poderia te fazer feliz, mas não poderia te fazer amar. Porque você é certa. Porque teu quarto é arrumado, mas a tua vida é uma bagunça. Quer dizer, se eu tivesse sido o cara que você esperava que eu fosse, não ia ter nem um comecinho. Você provavelmente teria me dado um pé na bunda desastroso e ficaria com o primeiro filho da puta que aparecesse. Mas no caso, eu fui o filho da puta. E indo por essa lógica, vários outros caras legais já devem ter aparecido. Mas você é preto no branco. Você afirma gostar daquele cara sem graça, que ri das tuas piadas mas não te faz rir das dele. E pra te esquecer eu tive que me virar pra me tornar um desses caras. Eu tentava não ser sem graça contigo, mas te deixar sem graça. Nunca ri das tuas piadas, porque teu senso de humor sempre foi bom, mas tuas piadas eram péssimas. E o que mais eu fiz pra te esquecer? Larguei aqueles lugares qualquer. Tu sempre reclamou muito dos lugares que eu frequentava. E sempre afirmou que odiava essa minha mania de ser todo errado. Mas peraí, garota certa, você sempre gostou. Reclamava mas nunca teve coragem de largar e procurar alguém certo. Porque você nunca foi toda direitinha. Quem dirá certa. Pra esquecer você eu tive que me dobrar. E foi tudo uma grande de uma perda de tempo. Porque até conhecendo galáxias, visitando planetas e mudando, tu continuou aqui. E se eu fiz essa merda toda pra te esquecer, então me fala o que tu fez pra me fazer gostar. Porque tá foda."

Robin and Stubb.  (via distanciarei)

(Fonte: tajmahhal)



"Simples assim. De centenas de quilômetros por hora ao repouso em um nano segundo. Eu queria tanto me deitar ao lado dela, envolvê-la nos meus braços e adormecer. Não queria transar, como nos filmes. Nem mesmo fazer amor. Só queria dormir com ela, no sentido mais inocente da palavra. Mas eu não tinha coragem. Ela tinha namorado. Eu era um palerma. Ela era apaixonante. Eu era irremediavelmente sem graça. Ela era infinitamente fascinante. Então voltei para o meu quarto e desabei no beliche de baixo, pensando que, se as pessoas fossem chuva, eu era garoa e ela, um furacão."

Quem é você, Alasca?  (via distanciarei)

(Fonte: regou)



"Você não precisa de um namorado. Você é muito bem sozinha. E quando digo sozinha, não é tendo a companhia da solidão, e sim, tendo a companhia de quem realmente te ama e te quer bem. Você é linda. Não precisa ser elogiada todos os dias, basta se olhar no espelho. Você não precisa se sentir mal por não ter um alguém. Você tem sorte por não estar amando ninguém. Porque isso, quando de maneira errada, machuca exageradamente. Eu sei que você sonha. Em andar de mãos dadas pelas ruas e dizer a todos que ele é teu, e que você o ama. Sonha em ser surpreendida com algo que jamais imaginou. Sonha em ter aquele abraço exclusivo. Aquele olhar que te faz ficar sem jeito. Aquela boca que te coloca no eixo. Você olha pra primavera e fica difícil enxergar os riscos: o inverno frio e rigoroso. Até chegar lá, há uma longa estrada, só que você ainda não consegue ver o lado real disso tudo: você não está preparada. Os outros foram erros do sistema. Deus não quer que você erre de novo."

Manuscrituras (via manuscrituras)


"Deus, por favor, guarda ele pra mim? se for para o meu bem, se for da tua vontade, conspira tudo o que for bom a favor da gente. Faz nossos caminhos se cruzarem, nossas mãos se entrelaçarem, nossas conversas se encaixarem, porque desde o primeiro dia que o vi eu decidi que ele seria meu, eu senti algo diferente, algo que não pode ser desperdiçado."

Ele, a melhor parte de mim. (via autorias)

(Fonte: on-repairs)



"Tenho medo de terminar sozinha. Tenho medo de ser sempre amiga, irmã e confidente, mas nunca o ‘tudo’ de alguém."

Tati Bernardi.   (via auroriar)


"Eu quero você. Então seja corajoso e me queira de volta."

Skins. (via auroriar)


"Eu sei que vai doer, mas as vezes é preciso fazer a coisa certa."

Amy Winehouse.  (via auroriar)


"Você não pode me mudar e depois ir embora."

Quem é você, Alasca?  (via incompletavel)

(Fonte: colorindo-se)



"Só diga que me quer. Só diga que me espera, que precisa de mim assim como preciso de você. Que te deixo sem jeito com facilidade, que te faço sonhar acordada e que você voltou a acreditar no amor. Que você abre nossas conversas para ver se é mesmo verdade tudo aquilo que dissemos, que esperas por eu chamar-te e que imagina como vai ser quando estivermos realmente juntos. Diz para mim que nunca teve alguém assim como eu, que te direi que eu também não nunca tive alguém como você. Me diz que tudo isso que sinto, você sente também."

Mateus William. (via cissuras)

(Fonte: outonismo)



1 2 3 4 5 6 7 8 9 »

May the force be with you!



Seria bom se em um passo de mágica os problemas acabassem, o coração se recuperasse e o dia não terminasse, mas se tudo isso não acontecer nossa vida não teria sentido, aventura, desafios e decepções faz parte do aprendizado e crescimento de cada um. Yuri Alfonso